É possível fazer seguro para carro 2004?

seguro para carro 2004

17/07/2023 | Por: Busca Proteção Conteúdo

Se você tem um carro fabricado neste ano e nunca investiu em proteção, mas agora vê a importância deste recurso, com certeza deve estar se perguntando se é possível fazer seguro para carro 2004.

Como muitas pessoas têm em mente que as seguradoras não aceitam veículos com mais de dez anos de uso, sequer procuram fazer orçamento deste serviço. Entretanto, muitas vezes são surpreendidos com imprevistos e precisam lidar com grandes prejuízos financeiros.

Neste artigo você irá entender como é possível proteger o seu carro antigo e qual é o preço a se pagar por este tipo de garantia.

Veja tudo que será abordado sobre o assunto:

  • O que você precisa saber sobre o seguro para carro 2004
  • Qual é o limite de idade do veículo para se fazer seguro?
  • Por que é difícil encontrar seguro para carro 2004?
  • Cobertura simplificada é uma das principais apostas para baratear serviço
  • Outras opções para quem busca por um seguro para carro 2004
  • Seguro de carro antigo
  • Furto e roubo
  • Seguro auto popular
  • Proteção veicular
  • Afinal de contas, vale a pena contratar um seguro para carro 2004?
  • Dicas para não errar na hora de contratar o serviço

O que você precisa saber sobre o seguro para carro 2004

Você, com certeza, já deve ter ouvido falar por aí que muitas seguradoras recusam veículos com dez anos ou mais de uso. Ou até mesmo que não compensa investir em um seguro para carro 2004 porque o valor é alto demais.

Esses dois cenários, por si só, já fazem muitas pessoas desistirem da proteção e optarem por circular com seus veículos nas cidades e até estradas sem seguro.

Mas e se acontece algum sinistro, como perda total? Já pensou que o proprietário vai precisar arcar sozinho com os prejuízos?

No decorrer deste artigo, você irá entender como é possível garantir a proteção, sem precisar desembolsar uma super grana.

Qual é o limite de idade do veículo para se fazer seguro?

Não existe dúvidas sobre a importância de se proteger o veículo, independentemente do modelo, valor ou ano de fabricação.

Mas quem tem carro mais antigo muitas vezes pensa que não tem opção. Seja por imaginar que se trata de um processo difícil e oneroso, que não vale a pena encarar.

Mas, principalmente, por acreditar que as seguradoras não aceitam veículos com muito tempo de uso.

A verdade é que, para algumas seguradoras, existe sim limite de idade para o veículo ser aceito. Mas isto varia muito de empresa para empresa.

Enquanto umas não oferecem cobertura para veículos com mais de cinco ou dez anos de uso, outras disponibilizam seguro para carros com mais de 20 anos, ou seja, e até 25 anos de fabricação.

De olho nesse mercado, inclusive, já existem empresas que estão se especializando em seguro para carros antigos. E oferecendo serviços próprios para esse público, como o seguro para carro 2004 e para outros anos, conforme veremos mais a diante.

Confira também: Seguro para carros antigos: vantagens e tipos de cobertura

Por que é difícil encontrar seguro para carro 2004?

Antes de explicarmos como funciona o seguro para carro 2004, vale a pena entender porque é mais difícil encontrar este tipo de produto.

Independentemente do histórico de quebras ou batidas, a idade é um dos principais critérios na hora de definir preço e cobertura de um seguro.

E quando falamos de um carro antigo, é preciso ter em mente que ele está mais propício a problemas mecânicos e outros imprevistos, considerando o desgaste natural de suas peças.

Além do mais, quando o carro precisa de algum reparo, as seguradoras têm mais dificuldade de encontrar peças originais para reposição. E, quando encontram, muitas vezes são mais caras já que existe uma pequena quantidade disponível no mercado. Até porque, dependendo da idade, pode ser que o modelo do veículo já esteja até fora de fabricação.

E, por mais que o carro vá ficando mais velho e depreciado, o valor das peças continua parecido com o de novos ou seminovos.

Portanto, além de demandar consertos com uma maior frequência, as seguradoras terão um custo maior para providenciar o reparo do veículo. E, diante disso, muitas julgam que não vale a pena trabalhar com seguro para carro 2004 e outros anos.

Cobertura simplificada é uma das principais apostas para baratear serviço de seguro para veículos

seguro para carro 2004

Cobertura contra perda parcial pode ser contemplada no seguro para carro 2004, mas mediante pagamento de franquia

Para baratear os custos do seguro para carro 2004, as seguradoras investem em alguns mecanismos. E o principal deles é a oferta de cobertura simplificada ou segmentada. Isso porque quanto maior a cobertura, mais caro é o seguro.

No seguro completo, que também leva o nome de cobertura compreensiva, o veículo fica resguardado de incêndio, colisão parcial, perda total, furto, roubo e danos a terceiros.

Já no simplificado, geralmente são ofertados até três tipos de proteções, que podem ser contratados individualmente ou de forma combinada, e sem franquia.

Há empresas também que não oferecem a opção de perda total. Outras deixam a Responsabilidade Civil Facultativa como item opcional.

E também as que oferecem coberturas para vidros, retrovisores, faróis, lanternas, acessórios, equipamentos, danos morais e carro extra como adicionais. Mas também já existem algumas seguradoras que oferecem cobertura de perda parcial, mediante pagamento de franquia.

Inclusive, as franquias com valores mais altos para reduzir o valor total da apólice ou vice-versa. Saber como funciona a franquia de seguro é essencial antes de realizar a contratação da proteção veicular.

Outras opções para quem busca por um seguro para carro 2004

Confira quais as principais opções para quem busca por um seguro para carro 2004:

Seguro de carro antigo

Algumas seguradoras oferecem um seguro específico para carros antigos. Geralmente, este produto é mais voltado para veículos clássicos e de grande valor de mercado.

Neste caso, as empresas avaliam aspectos como modelo, conservação do carro, tipo de uso, entre outros. Mas, de forma geral, tem um custo maior do que outros produtos.

Furto e roubo

A cobertura contra furto e roubo costuma ser uma das mais procuradas por quem deseja investir em um seguro para carro 2004. Isso porque carros antigos são mais visados a fim de abastecer desmanches e o mercado ilegal de autopeças.

Nos casos em que o veículo é roubado ou furtado e não é recuperado, o proprietário tem direito a uma indenização integral. Por isso, a importância de saber como funciona o seguro auto roubo e furto.

Seguro auto popular

Desde dezembro de 2015, também existe no mercado o seguro popular, que é voltado para carros antigos que normalmente encontram dificuldades para serem protegidos.

De forma geral, contempla veículos com mais de cinco anos de uso e valor de compra até R$ 60 mil. E conta com valores mais acessíveis.

Essa economia se dá, sobretudo, pelo fato de que é possível utilizar peças usadas, registradas e comercializadas em desmanches autorizado, no conserto do veículo.

Entretanto é importante destacar que nem sempre esta opção oferece as coberturas tradicionais, a franquia pode ser em torno de 30% mais cara e a indenização integral é de 80% a 90% da tabela FIPE.

Proteção veicular

Outra opção que tem ganhado força no mercado é a proteção veicular, sobretudo pela quantidade de coberturas oferecidas por um preço acessível.

Nesta modalidade, o segurado não precisa passar por uma análise de perfil. E muito menos comprometer o seu orçamento pagando o seguro em uma única parcela.

Isso porque a proteção veicular trabalha com mensalidades. Outra vantagem é que o proprietário do veículo não precisar arcar com a despesa da franquia em caso de sinistro.

Já que as despesas necessárias para o reparo são rateadas entre os proprietários dos veículos associados.

Afinal de contas, vale a pena contratar um seguro para carro 2004?

seguro para carro 2004

Como o veículo antigo costuma apresentar mais problemas mecânicos e elétricos, o seguro para carro 2004 é uma boa forma de se resguardar

Apesar do número limitado de opções e de muitas vezes ser um processo mais trabalhoso, a verdade é que vale a pena sim contratar um seguro para carro 2004. Sobretudo, se for uma proteção veicular.

Na verdade, independentemente da idade, estado de conservação do veículo ou quilometragem rodada, a proteção do carro é sempre uma boa opção. Afinal, trata-se de um bem com valor agregado, por menor que seja, e que compõe seu patrimônio.

Ter um seguro é ter uma garantia de que você estará resguardado em situações que podem gerar um significativo prejuízo financeiro.

Além disso, como o veículo antigo costuma apresentar mais problemas mecânicos e elétricos, você pode acabar ficando na mão na hora em que mais precisa.

E dependendo da cobertura contratada, poderá contar gratuitamente com serviços de guincho e carro reserva, por exemplo.

Para quem já tem seguro há algum tempo na mesma seguradora, o envelhecimento do carro geralmente não é um fator de preocupação. Isso porque o carro já possui um histórico na empresa.

Mas para quem deseja trocar de companhia, por qualquer motivo que seja, ou comprou um carro antigo e vai fazer o seguro pela primeira vez, pode sim encontrar dificuldades.

Dicas para não errar na hora de contratar o serviço

Agora que você já sabe a importância do seguro para carro 2004 e como ele funciona na prática, se liga nas dicas para não errar na hora da contratação:

  • Em primeiro lugar, é preciso encontrar uma seguradora que ofereça o seguro para carro 2004. Para não perder tempo, uma boa opção é contar com a ajuda de um corretor especializado. Este profissional já lida diariamente com este universo, portanto, ele terá mais facilidade para saber onde encontrar serviço.
  • As ferramentas online também podem ajudar nesta etapa, já que muitas empresas oferecem a possibilidade de solicitar cotações por meio de sites ou aplicativos.
  • O ideal é solicitar orçamento em mais de uma empresa. Com as cotações em mãos, é hora de comparar preços, coberturas, valor da franquia e avaliar qual serviço melhor te atende e qual é a empresa com melhor custo-benefício.
  • Lembrando que as regras variam de seguradora para seguradora. Portanto, se o seu veículo for recusado em uma, não desiste. Tente em outra pois é bem provável encontrar alguma que te atenda.
  • Se tiver chances, invista em equipamentos de segurança. Como reforçam a proteção do veículo e dificultam a ação de criminosos, eles podem ajudar a baratear os custos do seguro para carro 2004. Descubra se instalar um rastreador veicular vale a pena ou não.
  • A fase de orçamentos também é uma boa oportunidade para avaliar criticamente se vale a pena manter o carro antigo. Em alguns casos, a diferença entre um seguro para carro 2004 e outro modelo mais novo é tão grande que o melhor a se fazer é avaliar a possibilidade de trocar o veículo.

Você também vai gostar de ler